“Estou feliz por ter criado esta moda em Portugal”

A Selfie esteve na inauguração da nova Beiju Tapiocaria de Rita Pereira, que abriu portas no CascaiShopping

Segundo a actriz, de 35 anos, a ideia de trazer este projeto para Portugal surgiu a partir do momento em que conheceu o Brasil, uma vez que foi lá que se apaixonou, pela primeira vez, por tapioca.

“Sou viciada em tapioca há uns 10 ou 15 anos, desde que comecei a ir ao Brasil. Isto é uma comida no Brasil, como é para nós o Pastel de Nata. É a coisa mais fácil de encontrar em todo o lado, a cada canto que vais encontras tapioca”, revelou.

Questionada sobre qual é a tapioca de que mais gosta, Rita Pereira sentiu alguma dificuldade em responder, porque adora quase todas as combinações: “É difícil escolher, porque o menu já é tão extenso e, agora, estamos com um menu novo, que reúne tantas receitas maravilhosas. Mas, adoro a de pizza e a de guacamole com salmão.”

A actriz da TVI mostrou-se bastante satisfeita por ter conseguido incutir o gosto pelas tapiocas, aos familiares e amigos mais próximos: “Estão todos viciados e adoram. Sinto-me muito feliz.”

Rita Pereira sentiu-se, ainda, extremamente feliz por ser uma das primeiras pessoas a trazer a tapioca para o nosso país.“Estou feliz, principalmente, por ter criado esta moda em Portugal. […] É sempre bom trazer algo de que os portugueses gostam”, confessou.

No final da entrevista, a estrela de A Herdeira confessou que: “Juntar o papel de actriz ao papel de empresária é maravilhoso.”

Rita Pereira e actrizes d’A Herdeira recebem visita de cão no estúdio

Durante uma pausa nas gravações de “A Herdeira”, algumas das actrizes que integram o elenco da novela da TVI foram surpreendidas pela visita de um cão, que invadiu os estúdios da Plural.

O pequeno de quatro patas conquistou, de imediato, o coração de Rita Pereira, Sofia Aparício, Mafalda Marafusta e Jéssica Athayde, que não resistiram a cumprimentar o animal, enchendo-o de mimos.

A dada altura, Rita Pereira desafiou as colegas a pensarem num nome para o cão, que se encontrava nos corredores da Plural. “Temos lhe de arranjar um nome, ou, melhor, temos de lhe arranjar propostas. Já sugeri que se chamasse Herdeiro”, afirmou.

Entretanto, uma das raparigas que, também, se encontrava presente no local, sugeriu que o animal se chamasse “Sancho”.

Rita Pereira mostrou-se, logo, bastante entusiasmada com a sugestão da colega e afirmou: “Sancho é um grande nome!”