“Não quero manter a linha, quero manter as formas”

Embora tenha passado o dia a gravar, Rita Pereira fez questão de estar presente no lançamento do novo livro da sua nutricionista e amiga Ana Bravo. A actriz partilhou algumas dicas que a têm ajudado a manter a forma, de maneira saudável e sem passar fome.

Rita Pereira conheceu Ana Bravo há cerca de três anos e a empatia entre elas foi imediata. Por isso, foi mais do que natural quando a actriz começou a ser seguida pela nutricionista. “Gostei logo da Ana porque é muito naturalista e vai ao encontro das necessidades de cada um. Por exemplo, disse-lhe que escusava de me tirar o pão de manhã, porque ia sempre comê-lo, e ela manteve o pão”, revelou, no lançamento do novo livro de Ana Bravo. Feliz com o seu corpo, Rita Pereira reeducou os seus hábitos alimentares com a ajuda da nutricionista e não podia estar mais satisfeita. “O meu corpo mudou muito, mas porque mudei os meus hábitos de vida: mudei a minha alimentação, comecei a treinar outra vez… A Ana faz parte desta minha mudança e é essencial, porque me ensinou muitas coisas básicas. Por exemplo, ensinou-me que o leite faz muito mal, faz celulite e retenção de líquidos. Por isso, substituí-o pelos iogurtes e pelo queijo. Quando estou a gravar, levo sempre o meu pequeno-almoço. À hora de almoço, às vezes como
no refeitório, mas não tudo aquilo que me apetece. Não sou de todo das alfaces, como massa, mas como só um bocadinho, em vez do prato cheio, como me apetece. Levo sempre lanche, pode ser fruta com um queijinho. Ao jantar como sopa e antes de ir para a cama como uma gelatina. E não passo fome. Aos fins de semana como tudo o que me apetece. Sou uma mulher de formas e não quero manter a linha, quero manter as formas. Até porque adoro comer e se não comer o que me apetece de vez em quando, não sou feliz”
, admitiu.

O “desespero” de Rita Pereira quando foi “roubada”

Há quatro anos, a Luena de A Única Mulher viu a sua página oficial pirateada. À tvmais, Rita Pereira revela aquilo que considera ser “desesperante”: “Percebi que algo se passava porque me tentava registar para entrar na página e não conseguia. Entrei no Facebook através da minha conta pessoal e vi que a minha página oficial tinha publicações que não tinha sido eu a fazer! E sou sempre eu quem faz as actualizações, mais ninguém tem acesso. Não era nada de especial, nem ordinário, por isso os seguidores até nem se devem ter apercebido”. Seguiu-se a queixa às autoridades. “Comuniquei de imediato à polícia, entrei em contacto com o Facebook internacional e pus logo duas pessoas minhas amigas a tentar solucionar o problema. Felizmente, tudo ficou resolvido em 24 horas. Sei que a polícia conseguiu descobrir quem era e que foi punido.” E quem prejudicou a actriz — e os milhares de fãs que a acompanham ao minuto —, até acabou por se arrepender. “Essa pessoa, mais tarde, enviou-me um e-mail a pedir desculpa, explicando que a brincadeira tomou proporções gigantescas.” Rita Pereira conhece bem a aflição vivida por Lourenço Ortigão, seu amigo e colega de elenco em A Única Mulher: “Senti-me impotente e com o coração nas mãos. E uma invasão de privacidade, é o mesmo que entrarem em casa de uma pessoa e lhe revirarem tudo! E foi a minha conta oficial e pública, se fosse a pessoal tinha ficado mais aflita ainda. Não que esconda segredos, mas é a minha vida privada”, remata.

Rita Pereira dá dicas de boa forma a fãs

Actriz revela que recebe muitos pedidos por parte dos seus seguidores sobre cuidados que tem com o seu corpo, tanto na rua, como nas redes sociais

“Sinto essa responsabilidade de poder ser um modelo a seguir”. As palavras são de Rita Pereira, que recebe, diariamente, muitas solicitações de fãs nas redes sociais. Para diversos tipos de conselhos: “Recebo muitos “e-mails”, perguntam-me muito onde comprei esta ou aquela roupa, e depois, na rua, dizem-me que sou muito diferente da televisão. Que sou melhor ao vivo”, afirma, acrescentando que há quem a questione sobre o segredo da sua boa forma física: “Pedem-me muitos conselhos. Ainda agora uma rapariga me perguntou que dietas faço, que desportos pratico. E eu disse-lhe logo “vamos ficar aqui a tarde toda a falar sobre isso”, prossegue.

Seja na rua ou na Internet, a Luena de A Única Mulher, da TVI, faz questão de não deixar os fãs sem uma resposta: “Nas redes sociais respondo a tudo aquilo que me apetece, ou não respondo quando não me apetece. A maior parte das minhas colegas têm Facebook para mostrar fotografias. Eu tenho Facebook para partilhar experiências com as pessoas que me seguem e para saber a opinião delas também sobre o meu trabalho e aquilo que quiserem perguntar. E gosto de responder, desta interacção”, explica, acrescentando que não se lembra de, na rua, ter deixado um pedido sem resposta: “Tento estar sempre disponível. Não me lembro de algum dia ter dito que não a uma fotografia ou um autógrafo”. E quando as pessoas não são correctas? “Até mesmo quando são mal educados prefiro dar e serem eles a passar por mal educados do que eu. Já aconteceu alguns pais interromperem o meu jantar e dizerem que tenho que dar um autógrafo ao filho naquele momento. Às vezes são mais os pais que são mal educados do que os filhos. E digo às crianças “mesmo que o teu pai não saiba, tu sabes e o que conta é a tua educação”, diz.